9 passos que fazem diferença em Google Ads

Desde que comecei a trabalhar em Consultoria de Campanhas Google Ads, o caminho foi sempre no sentido de acompanhar as mudanças do sector e melhorar o desempenho de forma continuada. Tive a oportunidade de trabalhar com contas pequenas, médias e contas Google realmente fantásticas, que me deram possibilidades de experimentar novas técnicas, explorar métricas e até mesmo arriscar novas abordagens, ferramentas e técnicas de machine learning.

Todo o processo de criação e execução de Campanhas Google Ads não é assim tão difícil como se pensa, mas há que ter o foco e seguir uma estrutura sólida, arrumada, fácil de manter.

Como melhorar campanhas Google PPC

Campanhas Google Ads: 9 passos fundamentais para o sucesso

Segundo o Portal Webfx, em 2019, mais de 50% dos utilizadores que clicam em anúncios têm a intenção de fazer uma compra.

Quer isto dizer que, as Campanhas Google Ads são uma forma eficaz e mensurável de promover a sua empresa, gerar leads, telefonemas, vendas ou visitas à sua loja física.

Contudo, têm de serem otimizadas e planeadas da melhor maneira possível para tornar estes cenários reais. Para isso acontecer, devem ser tomados os seguintes passos:

Estruturar a Campanha

Tal como na construção de uma casa, onde a estrutura é o mais importante, no caso das Campanhas de Google Ads, o pensamento deve ser o mesmo. O primeiro passo são sempre os alicerces.

Para o sucesso da campanha, a implementação de uma estrutura correta, definição de objetivos, audiências, geografias e outros aspetos “core”, é imprescindível.

Por outro lado, só com bases bem definidas é que podemos “manter” campanhas mesmo que estas não estejam a correr como planeado.

Definir Objetivos

Se a solução é Gestão de Campanhas de Google Ads, significa que existiu um estudo prévio que possibilitou a exploração deste canal. Se não definir objetivos concretos e mensuráveis, nunca vai rentabilizar o investimento que está prestes a fazer.

Estar a trabalhar Google Ads só porque sim e, porque os seus concorrentes também o fazem, não faz sentido. Defina metas focadas (Aumento da presença online, impulsionar as vendas de produtos, explorar novas métricas, etc), sem isso não terá sucesso.

Keywords

Definidos os objetivos, come a trabalhar a nuvem de Keywords que quer utilizar. As keywords ideais são as que são relevantes, têm baixa concorrência e originam altas impressões.

Embora nem todas as keywords encaixem nesta fórmula perfeita, são um ponto de partida para os utilizadores e até mesmo os motores de busca chegarem ao seu negócio.

Criar Anúncios “superlativos”

Qualidade e relevância. Até pode ter as melhores keywords do mundo, mas se estas não fizerem jus a estes dois critérios, nunca irá aumentar a taxa de interação com o seu anúncio, nem a relevância. Se o copy e a própria construção não for atrativa o suficiente, partirá para o mercado de Ads em desvantagem.

Grupos Temáticos

Um conselho que dou sempre: comece com Grupos Temáticos. Nada como corresponder a temas específicos e que os seus grupos sejam ativados também pelas suas keywords específicas. Detalhar e pormenorizar nunca fizeram tanto sentido.

A partir deste ponto, comece a explorar até encontrar as que têm o melhor desempenho nos seus grupos de anúncios.

Landing Pages

Isto é como nas férias, um bom destino, tem mesmo de ser um bom destino. Uma excelente Landing Page de conversão tem de apresentar benefícios relevantes para quem a visita. Tem de ter um objetivo, só pode ter uma campanha específica associada e deve estar construída na ótica de ser o mais intuitiva possível.

Posicionamentos

Escolher onde uma campanha aparece (e onde não deve aparecer), é um dos fatores de sucesso que deve ser mantido com rigor. Os posicionamentos positivos e negativos devem ser sempre orientadores das suas campanhas.

Existe uma máxima de vida, “o que funciona aqui, pode não funcionar ali”

Testes A/B

Após estruturar, definir objetivos, construir um copy diferenciado, saber onde vai colocar o anúncio, qual vai ser o seu destino, comece a trabalhar o desempenho.

Em Google Ads, tal como referi no início, o teste e o erro são excelentes professores. Testar é a única verdade constante para garantir o melhor ROI das suas campanhas de pesquisa paga. Por isso, experimente variações de anúncios, grupos, diferentes estratégias de licitação, testes de extensões, etc.

Quality Score

Até pode ter as keywords certas nas suas Campanhas Goog Ads, criar anúncios “perfeitos” e atrativos, mas se estes não tiverem alto Quality Score, vai pagar mais quando não o deveria o fazer.

Lembre-se que campanhas com baixo Quality Score podem fazer “sérios estragos” no seu orçamento, enquanto as campanhas e anúncios com altos índices de Quality Score podem originar um maior retorno do investimento (ROI).

Já agora, o Quality Score é uma estimativa da relevância dos seus anúncios, keywords e páginas de destino para o utilizador que vê o seu anúncio.

 

Com efeito, se quer aumentar o tráfego do seu website, impulsionar vendas, gerar novas oportunidades de negócio (leads) ou atrair clientes para os seus pontos de venda, não pode deixar de investir em Google Ads. Fale comigo e saiba como uma estratégia e consultoria de marketing digital o pode ajudar com campanhas pagas.

António Castro
Consultor de Marketing Digital
Google Ads, SEO, Inbound Marketing
Google Partner